Operação desarticula ponto de venda de drogas e receptação em Solânea

No final da tarde desta sexta-feira (08), policiais civis e militares da 7ª CIPM e da 21ª Delegacia Seccional, desarticularam um ponto de receptação de produtos roubados que também funcionava como local de tráfico de entorpecentes.

Após um roubo ocorrido na manhã desta sexta-feira (08), no município de Bananeiras, os policiais iniciaram a investigação que culminou na localização da residência dos acusados, de alcunha “JAJA” e “PIPOCA”, situada no sítio Serra das Cabaças, zona rural de Solânea-PB.

Por volta das 15h, policiais civis da 21ª DS juntamente com militares da ROTAM, CPU e Núcleo Inteligência coordenados pelo Capitão J. Ferreira, desencadearam uma operação para capturar os acusados e apreender os objetos roubados. Na ação, os dois indivíduos conseguiram fugir por um matagal próximo. Na residência, após revista minuciosa, foi encontrada a motocicleta roubada, uma Honda CG cor preta, placa QFA 3713, e outra usada no crime, um Honda CG cor vermelha, placa MNG 5172. Além das motos, uma grande quantidade de objetos foi apreendida. 

Nos fundos da residência ainda foi encontrado seis pés de maconha, uma certa quantidade da mesma substância pronta para embalar e comercializar, além de um “naguile” usado para consumo da droga. Todo material foi levado para a Delegacia de Solânea.

Para o Capitão J. Ferreira, o levantamento das informações foi fundamental para o êxito da operação. “Já foi confirmado que vários dos objetos apreendidos são provenientes de furtos ou roubos na região, a exemplo do reboque que foi furtado de uma professora da UFPB, no mês de maio. A investigação foi precisa e os resultados foram bastantes positivos”. Ainda segundo ele, as diligências continuam em buscas dos acusados.

Segundo o Delegado Diógenes Fernandes, a Polícia Civil irá averiguar a procedência de todo material apreendido. “Vamos continuar as investigações para identificar os proprietários dos objetos apreendidos e tentar solucionar outros casos de furtos na região”, destacou.

Bananeiras Online

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.