Padrasto é preso por espancar menino de 9 anos com mangueira

Uma surra cometida por um padrasto de 27 anos, em uma criança de nove anos, revoltou populares na região do Vale do Mamanguape. A informação circulou inicialmente em vários grupos de Whatsapp com um áudio do menor aos prantos, no momento em que era espancada.

De acordo com o major Alberto Filho, comandante da 2ª Companhia de Polícia Militar, o caso aconteceu nesta quarta-feira 1º, na cidade de Mamanguape.

A agressão teria ocorrido depois que a criança derrubou e quebrou um frasco de medicamentos.

O denunciante informou que uma criança estava sendo espancada pelo padrasto e chegou a mandar, inclusive, um áudio pelo aplicativo Whatsapp comprovando o fato.

Alberto acionou o Conselho Tutelar, que, ao chegar ao local, constatou a agressão. “A criança estava muito machucada e foi levada para fazer o exame de corpo de delito. O caso será acompanhado pela Promotoria da infância da cidade”, informou o major.

O acusado do crime foi conduzido até a delegacia de Polícia Civil de Mamanguape. A Polícia ainda informou que essa foi à terceira vez ele utilizou a mangueira para bater na criança.

WSCOM com PB Vale

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.