Jovem é condenado a 15 anos de prisão por estuprar estudante em praia de João Pessoa

Um jovem de 18 anos foi condenado a uma pena de 15 anos, 10 meses e 26 dias de prisão em regime fechado por roubar e estuprar uma estudante de 23 anos. O crime aconteceu em setembro de 2017 na praia de Manaíra, em João Pessoa.

A decisão foi tomada pelo juiz Geraldo Porto, da 7ª Vara Criminal de João Pessoa. O próprio réu confessou o crime. Horas depois do crime, ele foi preso com os objetos roubados da estudante. Ele foi condenado pelos crimes de roubo majorado e estupro.

Segundo a denúncia, o réu ameaçou a estudante com uma faca, roubou um relógio e um isqueiro e, em seguida, a violentou.

"As consequência são gravíssimas, pois deixaram traumas psicológicos, inseguranças, medos, fobias extremamente graves que se perpetuarão por toda a vida", afirma o juiz na sentença.

G1 PB

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.